h1

Chefe, Pisei Na Bola

Março 5, 2011

Não posso negar que fiquei surpreso com o ator Charlie Sheen por brigar com os produtores, o canal e o criador da série Two and a Half Men, estrelada por ele. Afinal de contas é o meu programa favorito e agora corre o risco de ser cancelado…

E aí fiquei pensando: a menos que você seja o ator mais bem pago da TV americana (aproximadamente US$ 2 milhões de salário por episódio de Two and a Half Men), a maioria de nós que pisa na bola tem que admitir o erro junto ao chefe. Dá um frio na espinha ou nos faz suar em bicas assumir humildemente algo que não sabemos no que é que vai dar. 

Mas tenho aqui uma boa notícia. Se bem desempenhado, o ato de admitir e então retificar um erro pode alavancar uma carreira. Todo chefe sabe que subordinados cometem erros (ei, aposto inclusive que o seu superior já aprontou uma ou duas vezes desde a sua chegada). O desafio está em se recuperar habilmente do episódio e, nesse ponto, nem todo gerente é bom em corrigir um desacerto. Demonstrar ao escalão superior que você é capaz de consertar uma asneira pode representar bem mais do que apenas resolver o furo original.

Existe a forma correta e a incorreta de limpar a sua barra. A incorreta é perder todo senso de profissionalismo e se tornar um poço de  lamúrias e desculpas intermináveis. A correta é demonstrar remorsos assumindo logo de cara responsabilidade pelas suas ações (e isto é diferente do que ficar se desculpando) e, na sequência, propor uma solução. 

Sugiro estas quatro iniciativas para dar uma má notícia:

  • Descreva. Proporcione uma visão geral do problema e explique o seu impacto. Se assegure de relatar o caso tendo em mente aquilo que importa ao seu gerente. 
  • Identifique uma solução. Recomende uma solução ou abordagem específica, bem como possíveis alternativas.
  • Analise a sua solução. Compartilhe os pros e os contras e explique as implicações. Esteja preparado para discutir os riscos ou obstáculos que possam ser uma preocupação para o seu chefe.
  • Aceite a responsabilidade. Deixe o seu gerente ciente que você esta disposto a assumir a responsabilidade pelo resultado da abordagem que está propondo.

Esta é a maneira correta para “reconstruir pontes danificadas”. Ela demonstra que está pensando com clareza, com responsabilidade e que você é orientado a resultados. Mas que, ao mesmo tempo, está ciente que o seu está na reta (portanto se assegure que sua nova alternativa funcionará!).

Compartilhe conosco (nos comentários abaixo) alguns de seus insucessos mais retumbantes e como deu a volta por cima junto à chefia.

Anúncios

28 comentários

  1. LinkedIn Groups
    Group: Executivos Campinas
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Acredito que em uma relação entre chefe e subordinado deve ser igual a um casamento.
    A verdade deve prevalecer 100%, pois ao contrário o vidro ( confiança ) quebrará e nunca mais será a mesma coisa.
    É muito melhor admitir que pisou na bola, aprender com o erro, do que metir.

    Posted by Vanderlei Antonio Turato

    Gostar


  2. O ato de assumir o erro e a responsabilidade pela correção é a mais vantajosa decisão diante de um insucesso.
    Aconteceu comigo por três vezes, sob lideranças diferentes. Na primeira delas, fui parabenizado pelo meu chefe, sob a afirmativa de que não se encontravam mais profissionais que assumiam seus erros. Na segunda vez, o erro não tinha sido exclusivamente meu, fui chamado à sala do gerente para levar uma chamada de atenção, mas ao assumir o erro, o “jogo” virou e ele passou a responsabilizar os “co-autores” que estavam fugindo da responsabilidade. Na terceira ocasião, o erro NÃO era meu. Independente disto, me apresentei como responsável pela falha, por não ter sido suficientemente claro quando solicitei a execução da tarefa. Como consequência, o Diretor me solicitou auxiliar o pessoal no andamento do assunto ao invés de ser responsabilizado.
    Mesmo na tratativa com clientes, defendo a idéia de que devemos aceitar as críticas, mesmo que elas não sejam, digamos, sustentáveis. Ao trazer para si a responsabilidade, você indiretamente “desarma” o crítico, já que não há nada mais a dizer, uma vez que se encontrou o “culpado”. A partir daí, com um pouco de habilidade no diálogo, é possível até mesmo convercer o “acusador” de que o problema pode estar do lado dele. Acredito nesta proposta, e tenho vivido na prática bons resultados com ela.

    Gostar


  3. LinkedIn Groups
    Group: Comunique-se
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Mesmo sendo ator mais bem pago em qualquer parte do mundo reconher o erro é fundamental é uma questão de carater.

    Posted by Emanuela da Silva

    Gostar


  4. LinkedIn Groups
    Group: VAGAS.com.br – oportunidades de empregos e estágios em todo Brasil
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Ao “pisar a bola”, assumir o equivoco, erro ou falha nao intencional é prova de maturidade profissional, humana e de alto nivel de quociente emocional. Nao obstante, é sinal também de grande sabedoria e inteligencia o ato de aproveitar a oportunidade para demonstrar ao nivel superior, lateral e inferior que apesar do erro um é capaz de supera-lo e mais que tudo aproveitar o erro para ser melhor em futuras oportunidades.

    Um erro é um tesouro, já disseram… Depende de nós fazer essa premissa se converter em realidade.

    Williams Silva

    Posted by Williams Silva ISEISA Consultorias

    Gostar


  5. Concordo com o que os amigos acima escreveram, porem não basta simplesmente assumir os seus erros, temos que minimiza-los ao máximo.

    Como um amigo meu diz errar todos erram porem nas empresas hoje sobrevivem aqueles que acertam mais do que erram.

    Tive um parceiro de equipe que seguiu ao pé da letra o “assumir o erro”, chegou um certo ponto que todos os dias ele dizia: – eu sei que errei, peço desculpa. Isso foi se repetindo até o momento em que a equipe não suportou mais.
    Abs.

    Gostar


  6. LinkedIn Grupos
    Grupo: Claro
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Adoro a série Two and Half Men, mas também não se pode negar que o rapaz tem serios problemas.

    Publicado por Ivone Solidade

    Gostar


  7. LinkedIn Grupos
    Grupo: OPORTEX
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Só os medrosos não se arriscam e não assumem os erros! O maior engano é repetir o mesmo erro com tantos erros novos disponíveis por aí. O importante é reconhecer o erro o mais cedo possível, aproveitar como experiência, e partir para outro, sem medo de ser feliz!
    Quem nunca errou é sinal que nunca fez nada!

    Publicado por Milton Bulach

    Gostar


  8. LinkedIn Grupos
    Grupo: Gestão por Competências
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Interessante matéria.
    De fato, assumir posturas é sempre a melhor coisa a fazer. Seja para sucessos e insucessos.
    Em erros praticados, o ideal é sempre a exposição dos mesmos. Tal atitude aliada ao comprometimento em solicionar as questões, fortalece as relações entre subordinados e gestores, elevando o grau de confiança entre eles.

    Publicado por Ana Carolina Carvalho

    Gostar


  9. LinkedIn Grupos
    Grupo: Gestão por Competências
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    A confiança deve estar em primeiro. Assumir as falhas é importante, mostra respeito com os colegas de trabalho, maturidade pessoal e traz confiança do superior imediato, pois ele sabe que está lidando com uma pessoa em que se pode confiar.

    Publicado por Anderson Luiz Santos da Cruz

    Gostar


  10. LinkedIn Grupos
    Grupo: Cognautta – Gestão de Ativos, Confiabilidade e Engenharia de Manutenção
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Sem dúvida, assumir uma postura e defender uma idéia, respeitando sempre as demais opniões, é sinônimo de caráter e profissionalismo……

    Publicado por Heverton Márcio da Silva

    Gostar


  11. LinkedIn Grupos
    Grupo: Setor Elétrico Brasileiro
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Até pouco tempo atrás, acha que na vida, havia uma coisa que era certa, a morte. Hoje descubri que existem duas coisas certas na vida a morte e o erro. Então erremos enquanto podemos, pois a morte é tbm é certa.

    Publicado por Carlos Renato

    Gostar


  12. LinkedIn Grupos
    Grupo: Melhores Cases em Treinamento e Desenvolvimento
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Acredito que a etapa de sugerir soluções e analisar os obstáculos seja fundamental, pois nenhum gestor gosta de ter funcionarios entrando em sua sala/mesa para lhe dar problemas. O que queremos são soluções. O que já aconteceu está feito, o que diferencia as pessoas é que ainda (e como) será feito.

    Publicado por Mauricio Castro

    Gostar


  13. LinkedIn Groups
    Group: VAGAS.com.br – oportunidades de empregos e estágios em todo Brasil
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Prezado Williams, concordo plenamente contigo. Excelente análise.

    É bom para todos quando admitimos o nosso erro, assim como quando os outros o fazem. Aquele funcionário que insite em negar, mesmo todos sabendo que foi ele demonstra uma atitude anti-ética e que é uma pessoa que você não pode confiar. Eu sempre opto pela sinceridade, então sou a favor de admitir e como o texto sugere opções de retificá-lo.

    Posted by Suzana Almeida

    Gostar


  14. LinkedIn Groups
    Group: Novos Planos – Empregos e Vagas Vip
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Pablo, é isso mesmo. Quem de nós em nossa trajetória profissional nunca pisou na bola? Acredito firmemente em uma afirmação que carrego comigo há muitos anos: “Errar é humano, persistir no erro, burrice”. Ter a humildade e a iniciativa de assumir o seu erro publicamente é uma virtude e uma demonstração de amadurecimento. Por outro lado, dependendo de como isso pode ser encarado pelo seu superior, pode ser considerado o início do fim de seu ciclo naquela empresa, como é o que vem acontecendo ultimamente comigo. Abs.

    Posted by Flavia D C Santos

    Gostar


  15. LinkedIn Grupos
    Grupo: Setor Elétrico Brasileiro
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Carlos, sua “inspiração” está bem adequada para uma quarta-feira de cinzas…..dia de sol depois de horas de chuva de um prolongado feriado…..

    Publicado por Eliana Nunes Tempesta

    Gostar


  16. Gostei. Temos que parar com a idéia de ser super-homens. Se alguém deseja crescer na vida deve estar preparado para cometer erros. O ERRADO é esconder ou fingir que nada aconteceu. Acredito que a nossa atitude pode amenizar ou piorar a situação; ela pode fazer o erro ficar maior ou menor do que ele já é.
    Valeu!

    Gostar


  17. LinkedIn Grupos
    Grupo: Melhores Cases em Treinamento e Desenvolvimento
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Acredito que todo mundo pode cometer um erro. O problema não é cometer um erro, o problema é não estar nem aí para reverter a situação. E pior, não aprender com os erros e voltar a errar… Na vida e no trabalho…

    Publicado por Grazi Pegaia

    Gostar


  18. O profissional que reconhece o próprio erro demonstra maturidade e postura ética na condução dos trabalhos, e a busca de novas soluções faz com que desenvolva a cultura de aprender.

    Gostar


  19. LinkedIn Grupos
    Grupo: Melhores Cases em Treinamento e Desenvolvimento
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Como vocês falaram, tudo é uma questão de postura, ou melhor atitude.
    Sabemos que hoje em dia não basta só ter conhecimento na função e habilidades para desenvolvê-la, é necessário ter comportamentos adequados, principalmente profissionalismo. Acredito que pro ator faltou muito isso.
    O problema todo para esse tipo de profissão é a vaidade. Ela deixa a pessoa se achando poderosa suficiente para fazer o que bem entender e esquece desses comportamentos (profissionalismo, respeito, educação, cooperação…).
    Creio também que tudo pode ser transformado, depende de cada um.

    Publicado por Noemi Baptista

    Gostar


  20. LinkedIn Grupos
    Grupo: Cognautta – Gestão de Ativos, Confiabilidade e Engenharia de Manutenção
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Como em todas as coisas na nossa vida, o risco do erro será sempre inerente à nossa pessoa, O que sempre devemos ter é a humildade de reconhecê-lo e usá-lo como fator motivacional para que tenhamos sempre em mente que o aprendizado é essencial por toda a nossa existência.

    Publicado por JOSE TADEU BATISTA

    Gostar


  21. LinkedIn Groups
    Group: Novos Planos – Empregos e Vagas Vip
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    “Se foi homem para fazer, seja homem para assumir”. É mais digno assumir, saber o que errou, pq e aprender com o erro e nunca mais errar.

    Posted by Fernanda Bengezen

    Gostar


  22. Pessoal,

    Encontrei um artigo bem interessante da revista VC&SA “Use o erro a seu Favor”
    http://vocesa.abril.com.br/desenvolva-sua-carreira/materia/use-erro-seu-favor-483850.shtml
    Abs

    Fernando Kumasaka

    Gostar


  23. LinkedIn Grupos
    Grupo: Setor Elétrico Brasileiro
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Esse é uma Questão que evitamos pensar até que aconteça, e quando acontece… ficamos perdidos, pois, nunca pensamos e nos preparamos para tal…. É evidente que fazemos tudo para que os erros não ocorram, mas quando ocorrem, precisamos da humildade para reconhecê-los e iniciativa para corrigi-los.

    Publicado por Ricardo Vechin de Macedo

    Gostar


  24. LinkedIn Grupos
    Grupo: Setor Elétrico Brasileiro
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    Errar faz parte do crescimento, assumir já é questão de carater e coragem, cometer o mesmo erro mais de uma vez, é burrice.

    Publicado por Francini Barbieri

    Gostar


  25. LinkedIn Grupos
    Grupo: Cognautta – Gestão de Ativos, Confiabilidade e Engenharia de Manutenção
    Discussão: Chefe, Pisei Na Bola
    O grande problema é que vivemos em um país onde o erro é tido como falta de competência para uma determinada atividade. Somos criados para não errar por que é feio e pode sujar a imagem das pessoas. Conheco varios países que se é permitido errar e fazem com que as pessoas admitam com mais facilidade quando fazem alguma coisa errada sempre em prol do crescimento próprio. Buscam no erro uma grande oportunidade de aprendizado. Já aqui no Brasil, admitir o erro é dificil pq ainda existem dinossauros que estão no topo das grandes organizações. São estes que não admitem o erro e colocam um “X” nas costas daqueles que ousam admitir os seus próprios erros. O que fazem as pessoas nestes casos, não contam, escondem e até mesmo, buscam encamihar este erro para outro colega de empresa(este é o pior caso) e que acontece com certa frequencia.
    Como opinião pessoal vejo que admitir o erro com humildade e tirando lições fará com que tenhamos pessoas mais comprometidas e o aumento de confiança de todos da organização.
    Abraço
    Mario

    Publicado por Mario Filho

    Gostar


  26. LinkedIn Groups
    Group: GRUPO DE EXECUTIVOS DO BRASIL / BRAZIL
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Admitir um erro é, antes de tudo, ser honesto consigo mesmo. Além disso, a pessoa a quem se está falando sobre o erro pode ajudar a minimizar a situação ou buscar alternativa para correção ou para que não aconteça novamente.
    Rogério Tédi

    Posted by Rogério Tédi Oliveira

    Gostar


  27. LinkedIn Groups
    Group: Novos Planos – Empregos e Vagas Vip
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Pablo, será q o John Galliano seria “homem”, como diz a Fernanda, p assumir seus erros nas três atitudes antissemitas q teve e pediria desculpas, prometeria entrar em um programa de reabilitação em relação ao álcool, de modo q Bernard Arnault, o homem q o chamou p revolucionar a tradicional Maison Dior e agora o demitiu, o readmitisse?Abs.

    Posted by Guenia Bunchaft

    Gostar


  28. LinkedIn Groups
    Group: GRUPO DE EXECUTIVOS DO BRASIL / BRAZIL
    Discussion: Chefe, Pisei Na Bola
    Caro Rogério, antes de tudo, é ser honesto e éticamente correto, e estar em acordo com a vontade de DEUS; pois nossa consciência estará plenamente imaculada por ter assumido o erro/falha. Pedir desculpas/perdão não dói nem arranca pedaço, no máximo arranha nossa petulância e arrogância da nossa “imagem” do profissional correto; acatar a determinação de DEUS é simplesmente estar AGINDO E ANDANDO CERTO.

    Posted by Adriano Aguiar

    Gostar



Expresse sua opinião

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: